Sahifa fully responsive WordPress News, Magazine, Newspaper, and blog ThemeForest one of the most versatile website themes in the world.

Pedale sem medo na chuva!

pedal_na_chuva2

Todo ciclista deve estar preparado para a chuva, afinal ela vem a qualquer momento do dia. É praticamente impossível não se molhar, mas algumas dicas podem preservar seus pertences e manter sua bike inteira por mais tempo! Confira conosco:

É importante ter um “para-lamas”. Este equipamento irá proteger você e sua bicicleta contra a água da chuva, poças e possíveis valetas. Uma bolsa traseira pode te auxiliar a levar uma roupa extra e até mesmo ferramentas de manutenção. É bom sempre proteger tudo isso com sacos plásticos para evitar qualquer umidade dentro da bolsa.

A roupa do ciclista deve ser adequada. Se tiver frio, jaquetas impermeáveis são indispensáveis e roupas feitas à base de algodão devem ser evitadas.  Mesmo que esteja frio, tente usar bermuda curta, assim você não ficará encharcado enquanto pedala. A roupa que você precisa usar no trabalho deve ir protegida na bolsa ou mochila.

Se há chuva, é necessário cuidar da bicicleta também! As partes mecânicas móveis precisam de uma lubrificação ideal para muita água. Na corrente e nos câmbios traseiros e dianteiros use um óleo lubrificante especial.

Nas ruas da cidade há muita sujeira. Com água, essa sujeira desgasta as sapatas dos freios e podem também arranhar o aro das rodas. Tenha sempre com você sapatas sobressalentes, se você usa sapatas tipo refil, que são mais práticas; para as inteiriças, fica mais difícil. Se usa freios a disco terá um problema a menos, pois enfrentam água, sujeira e lama com mais eficiência.

Lembre-se: essas dicas são para quem precisa chegar no trabalho ou na escola de maneira que consiga secar-se rapidamente ou evitar o excesso de água. Fora das ruas da cidade, não há muito o que se fazer a não ser aproveitar a natureza!

Tome cuidado com o chão mais escorregadio, já que os freios que não funcionam igualmente. Acenda sempre as luzes. Em ruas muito alagadas, não se arrisque, pois há o risco de um acidente com algum obstáculo, como bueiros abertos, ou mesmo um desequilíbrio causado por causa da água.

Boa pedalada!

Fonte: Revista Bicicleta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *